7 de março de 2010

Sobre mim

Falar de si mesmo é glória vã. O melhor é o depoimento de outros. Porém, é incomum dizerem o que realmente acham da gente (ao menos pela frente). Uma amiga especial, Michele Franco, teve coragem de postar um depoimento que uso agora:
 
"O que dizer do Emanuel? Amigo, moço de Deus, criativo, inteligente, sincero, grande personalidade, original, diferente de todos, se destaca no meio de muitos. Com essa imensa criatividade e essa inteligência que tem está sempre me ajudando, seus conselhos e conversas são tudo de bom." É claro que há divergências, mas, gosto de acreditar nela.
 
Sobre defeitos, falo eu mesmo: teimoso, mal humorado, queixo duro, não engulo desaforo. Logo à primeira vista, um poço de arrogância. Mas, acredite, tento aprender o que é a humildade servindo ao próximo com amor seja ele quem for. É difícil, mas se Jesus ordenou, eu tento. Em casa, não sou filho desprezível, nem irmão detestável. Sou tiozão coruja, confesso. Não largo o babador por causa do Abner, Beatriz e Davi. No trabalho, se não estou de "chico", busco ser prestativo. Com os amigos chego ao sacrifício pessoal na busca de agradar, confortar, celebrar. Sinto-me em paz tanto entre milhões quanto na solidão.

0 comentários:

 
Powered by Blogger